Pin Ups


 Depois da repercussão que o último post teve (O projeto Pin Up Bombshells), percebi que até hoje nunca tinha feito um post explicando essa tribo urbana que tanto me fascina, o Pin Up. Já citei um montão de vezes aqui e nunca expliquei, como sou burra! E como andei lendo algumas coisas sobre o estilo ultimamente, preparei um mega post para explicar tudinho.

Origem


Ilustração de Charles Dana Gibson
 Vamos começar pelo nome: em uma tradução livre, Pin Up é algo como "pendurar". Como muita gente, achei que o termo começou a ser utilizado na década de 30 ou 40, mas me enganei. Pin Up já era utilizado no final do século 19, referindo-se a cartazes, posteres, fotos ou ilustrações de mulheres sexualmente atraentes, tendo como referencia uma pintura do americano Charles Dana Gibson em 1887.

Ilustrações de Kirchner / Primeiro cartaz de Moulin Rouge
 Há correntes que digam que o verdadeiro criador das ilustrações Pin Ups foi o francês Raphael Kirchner (realmente é bem próximo). Mas há vários outros artistas que passaram a pintar em estilo parecido, o mais famoso talvez foi Toulouse-Lautrec, criador do primeiro cartaz de Moulin Rouge. 


 Apesar de sua origem antiga, o termo só foi realmente documentado durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945), quando os soldados norte-americanos colocavam ilustrações de mulheres em poses sensuais nas paredes dos dormitórios. Isso era até incentivado pelo governo, acreditando que a prática ajudaria os soldados a criarem esperanças. As ilustrações logo viraram tão populares entre os homens na guerra que passaram a estar na parte externa de aviões e dentro de submarinos e tanques. 


As novas Pin Ups


Ilustrações de Elvgren
 Mesmo tendo raízes na Belle Époque, as verdadeiras Pin Ups como conhecemos firmaram-se a partir da década de 30 e 40. A nova cara do estilo foi dada por artistas como Gil Elvgren (o mais importante, na minha opinião), George Petty, Alberto Vagas (peruano, ok?) e Earl Moran

Ilustrações de Vargas
 As novas ilustrações também vieram com um novo ideal de beleza: pernas grossas, cintura afinada e bem marcante e seios fartos. Entre as atrizes da época que mais fazem a imagem, estão Marilyn Monroe e Rita Hayworth. Mas a pioneira foi Betty Grable, ganhando o título de de pernas mais belas de Hollywood, em 1943. Apesar do estilo ter várias musas, a verdadeira rainha (e minha inspiração) é Bettie Page que ganhou o título na década de 50.

Rita / Marilyn
 O estilo passou a mostrar mulheres em uma mistura de ingenuidade e sensualidade, mas devido a condenação de pornografia explícita da época, as cenas eram sempre belas mulheres em atividades cotidianas. Levantando vestidos, decotes caindo, tudo uma cena como se a sensualidade exibida fosse um mero acidente.

Betty Grable / Bettie Page

Consequências



 Novamente um outro erro comum: Pin Ups são ícones do machismo. Por algum tempo pensei que era isso, e ficava com até um preconceito com as raízes do estilo, mas descobri que não.


 Já perto da década de 50, os homens voltaram da guerra com a ideia de submissão feminina, mas os tempos eram outros. Enquanto estavam fora, surgiram Pin Ups retratadas em ambientes considerados masculinos, demonstrando uma presença feminina no mercado de trabalho que não incluía a estética, e também em boates como dançarinas burlescas, coisas consideradas inaceitáveis para mulheres com desejo de casamento e filhos na época. As figuras aparentemente ingênuas, mas de mulheres que no fundo eram um tipo de destruidoras de corações inspirou muitas mulheres a negarem a abaixarem a cabeça diante aos homens e assim começou o movimento feminista tão marcante nos anos 60.

Hoff / Pôster de Miller
 A grande inspiração veio de uma foto tirada por J. Howard Miller, contratado por uma fábrica para fazer um pôster que incentivasse as mulheres operárias. A fotografia mostrava Geraldine Hoff trabalhando, mas sem perder a feminilidade. A partir daí surgiu o pôster tão conhecido, mas que só se popularizou nos anos 80, com o objetivo de promover o feminismo.

Estilo


 Vamos finalmente falar do estilo de se vestir! Acho que montando uma lista de coisas de essenciais (marcadas com um *) e comuns, podemos citar:

- Vestidos rodados
- Meias 7/8
- Maquiagem olho de gatinho*
- Sapatos bonecas (pode ser de salto ou sapatilha)*
- Bandanas
- Flores na cabeça
- Calça ou short de cintura alta
- Cabelo ondulado e arrumado*
- Roupas que "valorizam suas curvas" (dando ênfase na cintura e nos seios)*
- Batom vermelho
- Estampa de poá (bolinhas) ou cerejas
- Bustiês
- Óculos gatinho
- Roupas anos 40/50*
- Saia lápis
- Animal print


 É claro que essa é uma lista para o algo como o "normal" Pin Up. Virando para olhar a sensualidade, encontramos espartilhos, cinta-liga, saltos, meia 7/8 e algumas vezes luvas compridas. Tudo ainda enfeitado com laços, babados e algum detalhe ou outro da roupa transparente.

Atualmente

Dita Von Teese
 Duvido que ninguém conheça a Dita Von Teese, mas vai que, não é? Conhecida tanto por ser o maior ícone do Pin Up moderno quanto pelo namoro com o cantor Marilyn Manson, Dita tem uma enorme referência no estilo. Gosto muito dela, mas me inspiro mais em outras, principalmente na Cherry Dollface e Miss Mosh. Não sei muito como definir o Pin Up moderno. É claramente Pin Up em essência, mas parece estar "evoluído", exatamente como nome diz: é um Pin Up, mas moderno.


 Enquanto eu estive procurando fontes para escrever o post, achei uma matéria interessante, contando detalhes que não haviam em outras e tals, mas quando cheguei no final me decepcionei. O autor (ou autora, não sei) disse que o Pin Up está principalmente em gibis em que aparecem mulheres erotizadas e deu umas imagens de exemplo. Aquilo me aborreceu e me irritou um pouco, a pessoa escreveu um post inteiro sobre o estilo e pareceu que não sabia de nada. O Pin Up é uma junção de sensualidade e ingenuidade, algo diferente de mulheres erotizadas que aparecem tanto em quadrinhos, na maioria das vezes não tem essa inocência e as roupas "cobrem menos" (e não fazem referência nenhuma as roupas da época) do que as das Pin Ups.


Nota: não estou criticando os quadrinhos pelas vestimentas das personagens, e sim o que o autor escreveu dizendo que Pin Up está presente assim no mundo atual.


 Cantoras que se inspiram no Pin Up:
- Amy Winehouse
- Lana Del Rey
- Gwen Stefani
- Katy Perry
- Imelda May
- Christina Aguilera


 De qualquer modo, Pin Up é um estilo que foi muito importante e influente desde que surgiu, isso é fato. Também é muito lindo e sempre serve de inspirações para editoriais e desfiles da Vogue, Betsey Johnson e Dior. Espero que tenham gostado do post (faz tempo que não escrevia um tão longo, mas valeu a pena), comentem!


6 comentários:

  1. gostei muito, pinup sempre sera um ótimo tema!

    http://anepires.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. OI TE CONVIDO A PARTICIPAR DO SORTEIA QUE HA EM MEU BLOG
    http://kelviavigilato.blogspot.com.br/2014/02/olaaaa-gatas-hoje-eu-venho-com-meu.html

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Eu não sabia exatamente do que se tratava Pin Up, e você deixou isso masi explicadinho. Achei um pouco foi engraçado e criativo a forma como as mulheres se faziam de ingenuas (como você disse), no dia a dia, para não serem sensuradas. As peças desse estilo são uma gracinha, super usaria haha
    Adorei!
    Beijinhos!
    http://adolescentedefases.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  4. Admiro todas as Pin Up, as atuais como Dita e as dos anos 50 como Marilyn ♥
    Se eu fosse garota, com certeza teria influências Pin Up, pode-se até considerar as Pin Up um movimento independente, meio que, a "liberdade da expressão feminina" e graças a elas que as mulheres atuais conseguiram muito espaço e direitos iguais e ouve aquele papo de "igualdade" entre e mulher, como tu sitou no post. Adorei mesmo, parabéns *-*

    http://gouinexgx.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Hey beauty you have a really nice blog :) would you like if we follow each other on blog? let me know what do you think ? Regards from Bosnia ♥
    http://obsessionwithfashion.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Legal que minha pesquisa autoral das pin-us foi referência pro seu post ;)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...